Pra fazer sentido

 
Tumblr_llihkp1ef41qgoiq8o1_500_large
 
 
‘Somos nós quem fazemos a vida, como der, ou puder, ou quiser…’

|gonzaguinha|
 
Coragem não é ser forte,veja bem. Coragem é uma forma de desprender o sonho da vida. Não deixa de ser uma estratégia para andar com mais leveza. Equilibrio. Dia por dia, ano por ano, a gente cai e levanta, limpa a poeira da roupa, limpa o choro do rosto. Solta o coração na rua e prende o suspiro no peito. Vai apurando a fé pra tornar-se uma pessoa mais generosa consigo mesma. Toda queda ou salto vale como experiência pra grande oportunidade de estarmos aqui. Tempo é ouro, aprendi, não dá pra desperdiçar assim, de qualquer jeito.
Coragem no final das contas é envolver-se. ‘Coragem às vezes é desapego’.
 
Coragem é olhar pro espeho no fim do dia e perguntar: – Será que a gente tomou a decisão certa?
E a resposta vir com o um sorriso, da mesma pessoa, essa de frente pro espelho. E lembrar-se do momento que espantou o tédio com um sorriso e desculpou-se com um abraço. Que disse coisas interessantes com o olhar, porque aprendeu que silêncios falam mais alto. Que chegou em um lugar que sempre foi o ‘lá’ que queria estar, e gostar muito disso. Responder que foi um dia rico, que você tornou-se uma pessoa mais rica, mais rica de amor. Tenha coragem de se olhar no espelho e conseguir agradecer pelo que vê. Todo dia.

 
 

(Vanessa Leonardi)
*em itálico, frase de Ana Jácomo
Anúncios

Duplo Sentido

Este texto de Clarice Lispector tem um sentido quando lido de cima para baixo e exatamente o contrário quando lido de baixo para cima.

Vem circulando pelas listas de mensagens eletrônicas na Internet e foi encontrado com o seguinte comentário:

“Impressionante! Acredito que muitas vezes é assim que funciona nossas cabeças, eu digo uma coisa e você entende outra…”

“Não te amo mais.
Estarei mentindo dizendo que
Ainda te quero como sempre quis.
Tenho certeza que
Nada foi em vão.
Sinto dentro de mim que
Você não significa nada.
Não poderia dizer jamais que
Alimento um grande amor.
Sinto cada vez mais que
Já te esqueci!
E jamais usarei a frase
EU TE AMO!
Sinto, mas tenho que dizer a verdade
É tarde demais…”